Skip to main content
ser mulher

Os Desafios de Ser Mulher Nos Relacionamentos!

Tempo estimado de leitura: 5 minutos

Ser Mulher 

Ser mulher? Você já parou para pensar, o que é ser mulher? Como você se definiria, como mulher?

Faça um exercício para você mesma. Olhe-se no espelho, do jeitinho que você está, e pergunte: “O que é ser mulher?”, “Que mulher, eu sou?” Desafio lançado!

Agora reflita sobre suas respostas! E nunca esqueça da sua essência feminina.

Somos muitas vezes: filha; mãe; esposa; companheira, mas acima de tudo MULHER.

A mulher no mundo moderno enfrenta muitos desafios, pois querem quebrar as barreiras do passado.

Quantas mulheres, já escutaram frases assim quando crianças: “Menina senta dinheiro!” “Menina tem que se comportar!”

Será que só as meninas, precisam ter boas atitudes e bons comportamentos? Ser Mulher 

Muitas mulheres foram educadas, ou melhor, doutrinadas a serem obedientes, como se fosse um animalzinho que está sendo ensinado, adestrado a ter boas maneiras.

Às vezes elas se veem com uma aparência singela, respeitando as regras que nos foram impostas desde antigamente, mas por outro lado, aquela vontade de virar o jogo, mostrar ser capaz de seguir seus instintos femininos, mas com firmeza de caráter e opinião.

Em busca da sua felicidade pessoal. Ser Mulher 

Então temos que rever como está a autoimagem positiva, aquela imagem que você tem de si mesma.

A maioria das mulheres querem abraçar o mundo. Fazer mil coisas ao mesmo tempo e muitas vezes esquecendo de si mesmas, pois cada uma tem suas próprias características.

Na verdade enfrentam um enorme desafio, conciliar as  relações pessoais, as relações profissionais, as relações familiares e lógico sem esquecer ainda das amizades. Ser Mulher. 

Ser Melhor
Ser Melhor

Precisamos estabelecer ligações com os outros, pois convivendo e comunicando, podemos trocar e compartilhar experiências.

Mas quem foi que disse, que se relacionar é fácil? A mulher enfrenta também estes desafios nos relacionamentos. Ser Mulher.

No trabalho, ela quer se posicionar, mostrar que é capaz, estar envolvida com todos em seu ambiente de trabalho.

Muitos homens irão te olhar de cara feia, principalmente se a sua posição profissional for “superior” a ele. Ser Mulher.

Terá que ter jogo de cintura para lidar com estas situações. Infelizmente, ainda existem muitos homens que não aceitam o “progresso” da mulher.

Na verdade, não acredito que seja um progresso, mas sim a coragem de arregaçar as mangas e enfrentar as barreiras e as pedras que surgem pelo caminho.

Afinal as mulheres são capazes do que quiserem, se assim desejarem! Ser Mulher.

Ser Mulher
Ser Mulher

Dentro ou fora do trabalho, construímos laços de amizade.

Então, nos deparamos com mais um relacionamento, o da amizade, que geralmente são mais leves, porque procuramos pessoas pelo afeto, carinho e estima recíproca.

Mas isto não quer dizer, que nos relacionamentos com os amigos e amigas não enfrentamos desafios.

Afinal quem nunca ficou chateada com um amigo ou aquela amiga, que você jamais imaginaria que poderia te magoar? Ser Mulher.

Foram para o trabalho, encontraram com os amigos. Agora é hora de ir para casa.

Casa! Família! Relacionamentos familiares! Ser Mulher.

Chegam em casa e querem  fazer mil tarefas ao mesmo tempo.

Dar atenção aos filhos, ver os deveres escolares, será que os uniformes escolares estão em ordem para o dia seguinte?

Aquelas perguntas e organizações de toda mãe. “Você almoçou direito?” “Como foi seu dia na escola?” “Já tomou banho?”

Agora perguntas respondidas pelos filhos, hora do jantar!

Filhos implicando um com o outro, pai olhando de cara feia e você como sempre, aliás como a maioria das mães,  tentando apaziguar essas situações. Ufa, isto sim é desafio!

Hora de colocar os filhos para dormir!

Chegou a sua hora. Hora de relaxar! Tomar aquele banho, afinal você está merecendo, enquanto passa aquele filminho na sua cabeça de tudo que ocorreu durante o dia.

Trabalho, chefe, aquele ciumento do trabalho, aquele que quer puxar o seu tapete, briga com a amiga. Família! Casa, filhos, marido, deveres… OPA! Chega! Chegou a sua hora de relaxar!

Hora de ir para o quarto. Ser Mulher.

Aí entra o relacionamento amoroso, aquela relação íntima com seu parceiro, seu momento de entrega. Que maravilha!

Mas será que é sempre assim? E quando tem a famosa “DR”, a famosa “discutir a relação”?

Para falar dos desafios nos relacionamentos amorosos, tem margem para tanto assunto, que não acaba mais.

São os conflitos e as dificuldades, que encontramos pelo decorrer da nossa vida, mas quando se pensa em coração. Este sim, faz enfrentarmos grandes desafios. Ser Mulher.

Então uma outra mulher, pensa: “Mas espera aí! Esta não é a minha história. Eu sou solteira!”

Com certeza também enfrenta muitos desafios pelas vidas.

Às vezes, ainda mora com os pais e com o passar do tempo, vai sentindo necessidade de ter seu cantinho.

Muitas mulheres que moram com os pais, passam por grandes conflitos, até mesmo de gerações.

Algumas acomodam-se e ficam numa zona de conforto, ou seja, quando você se acostuma com aquela situação e tem receios de mudar. Ser Mulher.

Existe também as filhas que por algum motivo, geralmente separação no casamento, voltam para a casa dos pais, por questões financeiras ou pessoais.

Isto é um retrocesso, porque você se acomoda nessa situação, mas ao mesmo tempo, tem que entrar nas regras da nova casa.

O ideal é sempre ir em busca da sua independência e autonomia, porque fortalece nosso EU. Ser Mulher.

Ser mulher
Ser mulher

Temos também as mulheres, que por escolha própria, moram sozinhas.

Algumas conseguem lidar bem com esta situação, afinal foi uma escolha.

Mas muitas passam por conflitos pessoais, ou seja, os desafios do relacionamento consigo mesmo.

Por isso é fundamental, sempre se questionar como está a sua autoestima? Que é o modo como você se vê.

Precisa aprender a relacionar-se bem com você mesmo, sempre valorizando-se. E não ficar olhando somente seus defeitos, aprender a enxergar as suas qualidades.

Pense sempre em você, faça atividades que lhe tragam prazer, porque não damos o direito de errar, nos cobramos demais. Ser Mulher.

O que você gosta de fazer? Ouvir uma boa música; ler aquele livro que faz tempo que você está prometendo a si mesma para ler; dançar; caminhar; cozinhar para você aquele prato que adora e está com muita vontade de comer; descansar, sim por que, não? Relaxar.

Pense em mudar, porque estas pequenas atitudes irão lhe fazer um bem que você nem imagina.

Lembra daquele exercício, que pedi para você fazer no começo desta reflexão?

Pois bem! Quando você tiver um tempinho para si, arrume-se para você e volte ao espelho.

Se você refletiu bem. Espero que sim! Você verá que irá gostar muito mais da imagem que viu agora.

E agora, responda para si! “Que mulher, sou eu?”

Ame-se! Respeite-se! Viva com prazer! Ser Mulher.

Paula Espíndola

Para atendimentos psicológicos online com Paula Espíndola clique aqui! 

Paula Espíndola é Psicóloga clínica CRP 06/50889. Especialista em Psicopedagogia Clínica e Institucional

Experiência em atendimentos sobre quaisquer relacionamentos, principalmente os relacionamentos amorosos.

Respondendo perguntas  no Canal do Youtube sobre relacionamentos feitas através das redes sociais, a seguir:

http://insightpsique.com.br

https://www.facebook.com/Insightpsique/

http://instagram.com/insightpsique

https://www.youtube.com/channel/UCsAhzuEEAIuXFRt4Uymn6sg

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.