Skip to main content
homens que odeiam as mulheres

Por Que Existem Homens Que Odeiam as Mulheres?

Tempo estimado de leitura: 4 minutos

Homens Que Odeiam as Mulheres

Você já parou para observar a quantidade de tipos de violência psicológica que são direcionados principalmente para as mulheres? Homens Que Odeiam as Mulheres

Por que tantos homens praticam assédio no transporte público, desqualificam, menosprezam, criticam, perseguem, amedrontam, difamam, batem, estupram e até matam as mulheres?

Será que o homem está programado biologicamente para ser mais agressivo no meio social e por isso, ele está autorizado a ser violento? Homens Que Odeiam as Mulheres

Leia Também: Violência Psicológica: Quando as palavras machucam

Bom, este texto vem apresentar uma série de pontos que tornam muitos homens misóginos. Homens Que Odeiam as Mulheres

A misoginia se caracteriza pelo desprezo, ódio e repulsa as mulheres. Estes sentimentos são legitimados pelos valores patriarcais, machistas e neurossexistas que ficam impregnados nas práticas, hábitos e dizeres dos relacionamentos, instituições e, principalmente, na educação no âmbito familiar e escolar.

Assim, reproduzimos e legitimamos a figura do machão viril que tem o dever de defender a sua masculinidade através da negação do feminino e de todos os fazeres e maneiras de ser relacionados à mulher. Homens Que Odeiam as Mulheres

Além disso, esta figura precisa reafirmar nas diferentes situações que ele é quem controla e manipula aquele momento.

O que eu quero eu dizer é que o homem não é naturalmente misógino. Eles são criados como misóginos. Você que lê pode estar perguntando: mas como isto acontece especificamente? É disto que vou falar nas próximas linhas. Homens Que Odeiam as Mulheres

De acordo com Susan Forward e Joan Torres, em seu livro “Homens que odeiam suas mulheres e as mulheres que os odeiam”, os seguintes aspectos foram mapeados em homens misóginos:

#1 – Pais misóginos Homens Que Odeiam as Mulheres

Homens cujos pais têm ideias fixas e rígidas sobre os papéis de homens e mulheres aprendem que, dentro da relação, o homem tem o papel de comando e suas ordens devem ser obedecidas de maneira passiva pela mulher.

Assim, futuramente, eles poderão humilhar, desqualificar e abusar de uma mulher.

#2 – Seja como seu pai e você estará seguro Homens Que Odeiam as Mulheres

Algumas crianças são criadas em ambientes em que o pai agressivo e autoritário representa a figura de fortaleza e segurança.

Suas atitudes trazem a mensagem de que a sua maneira de ser é o modelo a ser seguido.

Assim, ao se identificar com o pai, o menino reproduz a tirania e o abuso com as mulheres em sua relação no futuro.

#3 – A opressão é a única forma de controlar as mulheres Homens Que Odeiam as Mulheres

Um homem com um pai misógino aprende que o homem tem o direito de controlar, desdenhar e menosprezar a mulher desde pequeno.

Assim, a partir desta ideia de controle, ele acredita que pode magoar, assustar e inibir a mulher para que possa exercer o seu poder.

#4 – Quando a mãe assume o papel de vítima Homens Que Odeiam as Mulheres

Mulheres submetidas a uma relação opressiva com seus maridos se submetem ao papel de vítima e com isso, ele se comporta como uma criança desamparada.

Assim, as crianças não possuem um modelo de figura materna forte bem como não têm um adulto que proteja das agressões e ameaças do pai.

#5 – Não confie nas mulheres Homens Que Odeiam as Mulheres

Homens que foram maltratados na infância pelo pai, muitas vezes, costumam culpar a mãe tanto ou mais que os pais pelos maus-tratos que foram submetidos.

Isto por que a criança espera que a mãe conforte e traga o amor, mas isto não acontece, pois, a vitimização da mulher em um ambiente familiar opressor faz com que ela não seja esta figura esperada de amor, conforto e segurança.

#6 – Quando a mãe sufoca Homens Que Odeiam as Mulheres

A presença de uma mãe que não permite a vivência de frustração pelo filho faz com que este queira ter o direito de ter tudo à sua maneira em um relacionamento futuro.

Ao mesmo tempo, esta salvação constante pela figura materna semeia a ideia de que ele não pode sobreviver sem uma mulher e com isso, a dependência em relação à figura feminina no futuro tende a produzir um relacionamento com características abusivas.

O que fica claro é que a educação de meninos e meninas bem como o clima afetivo dos pais são os dois aspectos que lançam as primeiras e principais sementes para a criação de um homem misógino.

Assim, o ambiente familiar é a origem de comportamentos e expressões misóginos no futuro.

Para combater esta realidade, é necessário que sejam cultivadas uma cultura da paz e da igualdade bem como uma relação igualitária entre homens e mulheres nos relacionamentos familiares e sociais.

Pode até ser utópico o que proponho mas, se queremos grandes mudanças, precisamos começar com pequenas ações. Homens Que Odeiam as Mulheres

Grande Abraço e Fiquem em Paz!

karineKarine David Andrade Santos – Psicóloga CRP-19/2460 realiza atendimentos individuais para adultos e adolescentes em Aracaju/SE e orientação psicológica via Skype (http://www.karineandradepsi.com.br/). Membro da Cativare (https://www.facebook.com/cativarepsi/). Idealizadora do Projeto De Bem com Você em parceria com a psicóloga Eanes Moreira.(Informações via whatsapp (79)99922-8130)

Contatos: E-mail: psimulti@gmail.com; Facebook – https://www.facebook.com/KarineAndradepsi/

Instagram –https://www.instagram.com/karine.andrade_psiaju/; YouTube – Psicologia Aracaju

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.