Skip to main content
Motivos para viver

Você Quer Motivos Para Viver? Então Leia Este artigo!

Tempo estimado de leitura: 5 minutos

Motivos Para Viver

Olá novamente!

É sempre um prazer estar aqui dialogando com vocês, mas hoje o assunto é muito sério.

Hoje venho conversar sobre a vida e os inúmeros motivos que o adolescente tem para viver, então sente-se e prepare-se para um discurso de quem já pensou como você um dia, mas que hoje consegue enxergar a verdade da época e como uma verdade pode se transformar com o tempo.

Provavelmente você está por dentro da onda de notícias que circundaram as redes sociais, jornais e revistas nas últimas semanas sobre o suicídio. Motivos Para Viver

Nas últimas duas semanas não se falou de outra coisa se não o jogo baleia azul e a série As 13 Razões de Hannah da Netflix que trata de bullying e suicídio.

Mas isso tudo você já leu e está saturado de saber, então vou abordar o assunto de outra forma, pois minha intenção aqui não é te falar os porquês de você não pensar em acabar com a própria vida.

Vou falar sobre as razões pelas quais você deve valorizar sua vida, mesmo que por vezes passe pela sua cabeça que você não tem motivos para tal. Motivos Para Viver

Nesse momento te peço para que não pense que não te entendo, pois entendo muito bem.

Já fui adolescente e, não sei porque, mas os pensamentos e sensações que eu tinha na época permanecem vivas em minha mente.

Coisas que alguns colegas e familiares afirmam não acontecer com eles, talvez por isso eu ame trabalhar com adolescentes, eu lembro bem como é estar no seu lugar.

Nos últimos anos, durante o meu trabalho, ouvi as seguintes frases:

Motivos para viver
Motivos para viver

Sinto que não me encaixo em lugar nenhum.” Motivos Para Viver

“Ninguém sabe realmente como me sinto.”

“As pessoas acham que podem controlar a minha vida”.

“Meus pais acham que podem invadir minha privacidade”.

“Não tenho amigos de verdade, tenho colegas”.

“Eu finjo ser alguém que não sou para ser aceita”.

“ Parece que uso uma máscara todos os dias”. Motivos Para Viver

“Eu não sei quem eu sou ou o que eu quero”. 

E daí por diante.

Acredite quando te afirmo novamente, eu já me senti assim! Motivos Para Viver

Com o tanto de informações a que temos acesso atualmente é natural que ideias provenientes de jogos, séries, filmes e livros nos seduzam com seu romantismo de que toda dor acaba, mas será que alguém te conta com clareza o que vem depois da adolescência?

Sempre prezamos demais pela nossa privacidade, tão pouco respeitada na infância e adolescência, mas te digo com toda propriedade que na vida adulta às vezes clamamos em silêncio por alguém que “invada” nossa privacidade e, não só nos pergunte o que estamos precisando, mas que tomem as rédeas das situações sem que precisemos nos manifestar, pois muitas vezes o orgulho adulto não nos permite fazê-lo.

Motivos Para Viver Ser adulto não é tão mágico quanto parece, mas também não é tão chato como já ouvi muitos adolescentes dizerem que pensam ser. r

Motivos para viver
Motivos para viver

Ainda hoje ouvi de uma paciente: “A vida é chata! A sociedade nos obriga a seguir um roteiro, nascemos, crescemos, estudamos, trabalhamos, temos filhos e morremos. Não quero ser chata assim”!

Nesse momento ofereci a ela a novidade de uma perspectiva que ela ainda não havia elucidado, pois sim, a vida nos impõe um roteiro preestabelecido, mas a forma como vamos desempenhar nosso papel na vida depende exclusivamente de nós.

Nossas experiências são únicas, nossas ideias e pensamentos pertencem somente a nós e a mais ninguém, se vamos ou não compartilhá- las na íntegra depende exclusivamente de nós também, pois nem toda informação é compartilhada. Motivos Para Viver

Pense bem, se por um lado hoje você se sente obrigado a dar satisfação de tudo, se está pressionado e até mesmo se sentindo sozinho no mundo, viver ainda é a melhor solução, pois são as suas atitudes futuras que podem chegar a trazer a modificação do mundo que tão pouco te compreende hoje em dia.

Pode ser que ao estar no lugar de pais num futuro ainda distante você perceba algumas coisas que hoje ainda não consegue entender tão bem, como por exemplo o porque deles não poderem te dar privacidade total.

Sei que já conversamos sobre privacidade em outro momento e falei que acredito sim que deva ter alguma, mas veja bem, é na adolescência que cometemos erros, se bem que na verdade cometemos erros por toda vida.

Motivos Para Viver Mas é durante a adolescência que quem é cobrado por nossos erros são nossos pais, mesmo que pareça que somos nós e não eles.

Motivos para viver
Motivos para viver

Porém se você reparar com carinho, se você faz algo que não deveria na escola são eles que são chamados a prestar esclarecimentos, pra você trabalhar antes dos 18 anos eles precisam autorizar, se você passar mal são eles que precisam estar lá não só para assinar documentos legais, mas também para segurar a sua mão diante da dificuldade.

Então sim, eles são diretamente cobrados pelos erros que você comete e é justamente por esse motivo que eles não podem te dar a tão sonhada liberdade que você tanto deseja, então talvez você possa pegar leve com eles de vez em quando.

Todavia, tem o outro lado, se mesmo no futuro a sua visão sobre a maneira como os seus pais te criaram ainda permanecer constatando que você faria diferente, vivendo você pode de fato fazê-lo.

Pode mostrar que tinha razão durante a sua adolescência e fazer diferente com seus próprios filhos, mesmo que por vezes se pegue repetindo algumas das ações de seus pais, você sempre vai saber porque está fazendo. Motivos Para Viver

Ok, fui paternalista demais com você nesse texto e poderia encontrar tantos outros motivos pelos quais te diria para viver.

Mas nesse momento percebo que esses seriam os meus porquês ou mesmo foram de fato os motivos que me mantiveram aqui até hoje.

O importante é que você encontre os seus porquês e os coloque em prática tão logo seja possível, pois adolescência não é só chatices e proibição, é também uma fase de descobertas deliciosas e outras não tão deliciosas assim.

Mas que só descobrimos de fato ao termos a experiência de viver a fase em sua plenitude, sempre considerando algumas regras e limitações que nos são impostas em alguns momentos contra a nossa vontade.

O importante aqui é que só o que importa são os seus próprios porquês, seja pra constatar que a fase adulta nos modifica ou para ter a chance de mudar a forma como o mundo trata quem é da sua idade, o controle está em suas mãos e você decide em que canal irá conduzir sua vida. Motivos Para Viver

Viva, mesmo que apenas para provar que a escolha é sua e de mais ninguém.

Recomendo que você leia também: Por Que Meus Pais Não Me Entendem? Se Você é Adolescente Leia Esse Artigo!

Um grande abraço e até o próximo texto.

Ellen de Oliveira Moraes Senra

Ellen de Oliveira Moraes Senra – CRP 05/42764

Psicóloga especialista em Terapia  Cognitivo Comportamental, autora do livro digital Adolescer sem Vacilo: Compreendendo o Universo Adolescente

Experiência no atendimento clínico a Crianças e Adolescentes individual ou em grupo.

Contatos: Tel/Whatsapp (21)97502-4033

Email: ellenmsenra@gmail.com

One thought to “Você Quer Motivos Para Viver? Então Leia Este artigo!”

  1. Excelente reflexão, mas isso não mudou minha perspectiva de que a não vê a pena viver! A vida é uma merda de qualquer jeito. Perece que somos fantoches. Nascemos, crescemos, casamos ou convivemos numa união estável, temos filhos e, bum! Morremos! O que foi mesmo que viemos fazer aqui? Que merda é essa? Para o quê, exatamente estamos neste mundo de merda?! Se vê tantas maldades todos os dias com pessoas inocentes! Ninguém é castigado. A humanidade é PODRE! Tantas guerras. Tantas desigualdades. Infelicidades!

    Desculpe-me, mas é a minha opinião.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.