Skip to main content
mindfulness

Mindfulness, Compaixão e Seus Benefícios Para a Depressão!

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

Mindfulness

DEPRESSÃO

Mindfulness A Depressão é um transtorno mental que pode surgir em crianças, adultos, homens ou mulheres. Pode apresentar o grau leve, moderado e grave. Não tem uma causa ou característica específica, podendo surgir em qualquer momento da vida e ser desencadeada por um evento traumático ou não.

Leia Também: O que é Depressão? Causas, Sintomas e Tratamentos.

A perda de interesse pelas atividades do dia a dia, tristeza, choro, dificuldade de concentração, baixa auto-estima, sono excessivo, queda no desempenho cotidiano e desânimo são alguns dos sintomas em pessoas acometidas pela depressão.

A depressão, assim como a ansiedade vem sendo considerada o “Mal da sociedade contemporânea”. Segundo a Organização Mundial de Saúde em dados recentes, pelo menos 350 milhões de pessoas sofrem de depressão em todo o Mundo. Mindfulness

A Depressão não é somente emocional ou comportamental. Mindfulness

Mindfulness e depressão
Mindfulness e depressão

“A depressão é uma patologia que atinge os mediadores bioquímicos envolvidos na condução dos estímulos através dos neurônios, que possuem prolongamentos que não se tocam. Entre um e outro, há um espaço livre chamado sinapse, absolutamente fundamental para a troca de substâncias químicas, íons e correntes elétricas. Essas substâncias trocadas na transmissão do impulso entre os neurônios, os neurotransmissores, vão modular a passagem do estímulo representado por sinais elétricos. Na depressão, há um comprometimento dos neurotransmissores responsáveis pelo funcionamento normal do cérebro.”  (Dráuzio Varella)

A depressão, precisa ter um diagnóstico eficiente e um acompanhamento médico e psicológico.

COMPAIXÃO Mindfulness

A palavra Compaixão vem da palavra latina “compati”, que significa “sofrer com”.
Em seu significado de origem judaico-cristã a Compaixão geralmente é associada à um sentimento de “piedade” o que implica uma certa atribuição de superioridade por parte de quem a sente.

Em Mindfulness a Compaixão tem um sentido diferente, ela nos remete ao sentimento que surge quando presenciamos o sofrimento de alguém e temos o desejo genuíno de ajudá-lo a sair daquela situação. Mindfulness

Reconhecemos a “condição humana” em todos os seres, incluindo a nós mesmos. Portanto, quando tenho compaixão por alguém não me sinto superior porque também estou sujeito ao sofrimento. Somos iguais.

Várias pesquisas científicas estão surgindo comprovando os benefícios da prática da Compaixão com utilização terapêutica. Kristin Neff, pesquisadora e professora no Psicologia Educacional na Universidade do Texas, tem se dedicado a pesquisar o tema da compaixão e auto-compaixão.

Autocompaixão é a identificação do sofrimento em nós, é desenvolvermos o olhar cuidadoso, acolhedor, de aceitação consigo, mesmo quando algo dá errado, mesmo quando reconhecemos que “erramos” em determinadas situações. Mindfulness

É reconhecer que a natureza humana é “falha” e que nós também fazemos parte disto. Além deste olhar de aceitação para os nossos erros, a autocompaixão permite um olhar de “observador” para as situações difíceis em que nos encontramos. E sem fazer “uma tempestade em um copo d’água” conseguimos lidar melhor com nossos desafios.

CONEXÃO

**Neff propõe que o constructo de Autocompaixão (compreensão, reconhecimento da condição humana e Mindfulness) modifica a nossa postura emocional mediante as situações estressantes da vida.

Em seus estudos ela relaciona a auto-crítica com a depressão, ansiedade, perfeccionismo, e com emoções negativas em geral.

Os estudos científicos sobre a autocompaixão, confirmam os estudos já desenvolvidos sobre Mindfulness e Saúde Mental; associando seus benefícios à satisfação pessoal, auto regulação emocional e positividade perante a vida como um todo. Mindfulness

Desta forma fica claro a importância do desenvolvimento da Compaixão e da autocompaixão para que possamos superar a auto-crítica  e possamos ter mais autonomia sobre nossas emoções, pensamentos, sentimentos e ações perante os desafios.

Conheça o programa: EDUCAÇÃO EM MINDFULNESS ONLINE – TRANSFORME SUA VIDA, TREINANDO SUA MENTE A VIVER NO MOMENTO PRESENTE!

“Se você quer que os outros sejam felizes, pratique compaixão. Se você quer ser felizpratique compaixão. ” ~ Dalai Lama

Paz e Bem!

Adriana

Participe da Campanha 12 SEMANAS DE AUTO COMPAIXÃO Inscreva-se AQUI:  http://bit.ly/aucompaixao

adriana

 Adriana Cardoso é Psicóloga (CRP 06/65527). Estuda e pratica Meditação desde 2010. Idealizadora da VIVENDO O MOMENTO PRESENTE, projeto que tem como objetivo difundir o conhecimento e a prática da Meditação e da ESCRITÓRIO DO FUTURO onde realiza Cursos, Palestras e Mentoria para Novos Empreendedores.

Contatos: Para aprender a Meditar:contato@vivendomomentopresente.com

                    Para começar a Empreender: contato@escritoriodofuturo.com.br

*http://drauziovarella.com.br/entrevistas-2/depressao-doenca-que-precida-de-tratamento/

**Kristin Neff – http://self-compassion.org/

Indicação de Livro: Atenção plena – Mindfulness: Como encontrar a paz em um mundo frenético

Carlos Costa

Psicólogo (CRP 06/122657), Coach, Empreendedor, Músico e Poeta. Idealizador do projeto O Psicólogo Online que tem por objetivo produzir conteúdo informativo e educativo sobre psicologia, saúde mental e assuntos relacionados, além de prestar serviços de orientação psicológica online.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.