Ciúmes Excessivo: Cuidado Com Este Sentimento

Ciumes excessivo

Ciúmes Excessivo

 O ciúme exagerado pode destruir um relacionamento saudável.

Vou falar um pouco sobre esse sentimento, que tanto prejudicam a vida de muitos casais.

Quem nunca sentiu ciúme?

Afinal, o ciúme está presente na maioria dos relacionamentos.

Ter um pouco de ciúme, na dosagem certa, é algo natural, desde que não prejudique a qualidade dos relacionamentos.

O problema é quando passa dos limites desejáveis para uma boa relação.

Mas é claro que o fato de sentir esse ciúme, não diminui a angústia desse sentimento que pode ser muito doloroso.

Ciúmes Excessivo O ciumento sofre quando não consegue lidar com esse sentimento.

Mas sofre por quê?

Quando não consegue administrar esse sentimento, o ciumento sofre com suas incertezas, desconfiança e dúvidas e vai ficando cada vez mais difícil de amenizar esse sofrimento, porque está sempre desconfiando de tudo e de todos.

No relacionamento amoroso acaba se tornando uma situação insustentável.

Começa a ter algumas atitudes sem se dar conta da gravidade do prejuízo que acarretará esse relacionamento.

Deve-se tomar cuidado com a pessoa ciumenta, quando passa a querer dominar a vida do parceiro, querendo saber de todos os seus passos, tendo um controle excessivo.

Esse ciúme excessivo pode ser patológico, precisando de um tratamento psicológico, ou seja, psicoterapia para que a pessoa aprenda a lidar com seus sentimentos de uma maneira saudável.

Ciúmes Excessivo E como se sente o ciumento?

Apresenta algumas emoções, sentimentos e sensações que atrapalham a sua própria vida, pois deixa de cuidar da sua vida para dominar a vida do outro.

O medo de perder o parceiro, é o primeiro sentimento presente.

Consequentemente, gera muita tristeza por perceber que não consegue ter o controle da vida do outro.

Nessa hora vem aquela sensação de raiva por não estar conseguindo ter o controle da pessoa amada.

Ou será uma pessoa prisioneira desse sentimento doloroso?

Nesse momento surge a culpa por não ser capaz de administrar o relacionamento.

Isso vem decorrente da insegurança e desconfiança que se instalou nessa união.

A indignação e frustração abate-se no ciumento, gerando uma ansiedade descontrolada.

Agora você deve estar se perguntando:

Ciúmes Excessivo Mas por que isso acontece?

A principal causa disso tudo é a baixa autoestima, onde a pessoa não acredita em seu potencial.

Para quem convive com uma pessoa muito ciumenta, é fundamental não alimentar o ciúme do parceiro, isso só trará sofrimento para você e para o outro.

Agora vamos imaginar que você está sentindo um ciúme muito grande que começa a sair do seu controle.

Então vamos refletir bem sobre tudo isso.

Quando sentir ciúmes do seu parceiro, em primeiro lugar, você deve se questionar:

Há motivos reais para essa crise de ciúme?

Esse parceiro está te dando motivos ou indícios de que algo está acontecendo?

Cuidado com a imaginação excessiva e exagerada, isso pode minar seu relacionamento.

Ciúmes Excessivo Analise seu ciúme, será que não é fruto da sua imaginação?

Isso poderá desgastar cada vez mais seu relacionamento.

E como saber quando o seu ciúme se torna patológico ou doentio?

Isso ocorre quando a sua rotina passa a ser totalmente modificada e até prejudicada devido a esse ciúme, mesmo sem ter qualquer indício ou sinal de que a pessoa esteja te traindo.

Fique alerta aos seus sentimentos exagerados.

Agora que você detectou que seu ciúme está saindo fora do seu controle, é a hora de procurar uma ajuda psicológica, a psicoterapia.

Enfrente seu ciúme sem medo!

Vamos imaginar que você percebeu seu ciúme exagerado e deseja controlar essa situação.

Será possível?

Ciúmes Excessivo Como controlar esse ciúme?

Como disse anteriormente, o primeiro passo é identificar se esse ciúme não é fruto da sua imaginação.

Analise atentamente essa situação para não fazer falsos julgamentos.

Tente compreender e observar qual é o real motivo desse ciúme.

Acredita ter motivo para essa crise de ciúme?

Já que está sofrendo com essa situação, é a hora de encarar de frente esse medo que paira sobre sua cabeça.

Provavelmente, irá se questionar:

Será que é medo de não ser amada?

Ou será medo de ser abandonada ou até rejeitada?

Ciúmes Excessivo Lembra de quando disse que a baixa autoestima é um ponto crucial para essas crises de ciúmes?

ciumes excessivo
Baixa autoestima

Agora é a hora de trabalhar e investir em sua autoestima.

Acredite mais em seu potencial.

Tendo uma boa autoestima, conseguirá lidar melhor com esse ciúme.

Assim será bem mais fácil para não ser uma pessoa possessiva.

Afinal não somos proprietários das pessoas.

Aprenda a controlar seus próprios impulsos e para tudo isso pense muito bem antes de agir.

Aprenda a confiar mais em seu parceiro, mas como confiar em alguém se não confia em si mesma?

Para isso é fundamental investir sempre em sua autoconfiança.

Ciúmes Excessivo Aproprie-se e coloque em prática a resiliência, que será um fator decisivo para o equilíbrio em sua relação.

E como fazer isso?

Aprenda com seus próprios erros para sim não os repeti-los.

Ocupe cada vez mais seu tempo ocioso com atividades que lhe dê prazer, assim ocupando sua cabeça ficará muito mais fácil de enfrentar as sua angústias e sofrimento devido a um ciúme imaginativo.

Mantenha sempre um diálogo franco e aberto com o seu parceiro.

Durante a conversa aprenda a expor seus sentimentos e pensamentos.

Sempre gosto de ressaltar, que é muito importante durante esse diálogo, estarmos aberto a ouvir, pois um verdadeiro diálogo é aquele em que existe a troca, onde ambos falam, mas também escutam seu parceiro.

Ciúmes Excessivo Durante esse diálogo, escute o que o outro está falando, analise atentamente, cuidado com os julgamentos precipitados, pois se ele está falando algo, é porque de alguma maneira faz sentido para ele.

Não interrompa quando ele estiver falando e caso tenha muita vontade de falar enquanto ele estiver falando, respire fundo, observe sua respiração, assim conseguirá driblar um pouco mais a sua ansiedade.

Fale sempre em primeira pessoa, use sempre o EU me sinto assim…

Assim ele não poderá questionar seus sentimentos.

Você fez de tudo para conseguir lidar com esse ciúme doentio, mas não está conseguindo lidar com essa situação?

Pense mais em você e procure para psicoterapia para encarar esses desafios da sua vida.

Leia também dicas de como eliminar pensamentos negativos: https://opsicologoonline.com.br/como-eliminar-pensamentos-negativos-conheca-7-dicas-que-podem-te-auxiliar/

Paula Espíndola

[captura]

 

Paula Espíndola é psicóloga clínica CRP 06/50889. Especialista em Psicopedagogia Clínica e Institucional. Experiência em atendimentos sobre quaisquer relacionamentos, principalmente os relacionamentos amorosos.

Respondendo dúvidas no Canal do Youtube PAULA ESPÍNDOLA PSICÓLOGA sobre relacionamentos feita através das redes sociais, a seguir:

http://insightpsique.com.br

https://www.insightpsiqueonline.com.br/

https://www.facebook.com/Insightpsique/

https://www.instagram.com/paulaespindolapsicologa

https://www.youtube.com/channel/UCsAhzuEEAIuXFRt4Uymn6sg

Facebook
WhatsApp
Twitter
LinkedIn
Carlos Costa

Carlos Costa

Psicólogo há 3 anos (CRP-06/122657), coach, empreendedor, músico, poeta e escritor. CEO e fundador do portal e plataforma “O Psicólogo Online”. Através de seus cursos e materias vem contribuindo com a psicologia e com os profissionais psicólogos para uma melhor prática da psicologia online no Brasil e com a valorização da profissão. É criador da plataforma de atendimento online “O Psicólogo Online” que auxilia psicólogos a agendarem e receberem por suas sessões de forma simples e segura.

Artigos recentes