Ciberpsicologia: o que é?

Você, que atua com terapia online, certamente também foi afetado pela internet. Você sabe o que é ciberpsicologia?
Indian hacker cracking computer codes

O advento da internet mudou nossas vidas. Hoje, a forma de interação entre as pessoas é outra, e esse meio tecnológico afetou nossa rotina, nosso cotidiano, nosso expediente, nossos hábitos e nosso modo de ser.

 

Você, que atua com terapia online, certamente também foi afetado pela internet. Você sabe o que é ciberpsicologia?

 

O que é ciberpsicologia

 

É uma nova disciplina, e ela estuda como os seres humanos são impactados pela internet, bem como de que forma eles interagem no meio online, pelos dispositivos aos quais têm acesso.

 

Ela também estuda os efeitos das interações tecnológicas na mente dos indivíduos, e sua interação tanto dentro quanto depois do acesso ao ciberespaço.

 

A ciberpsicologia e o atendimento online

 

O psicólogo precisa compreender as mudanças causadas pela internet em nosso dia a dia, especialmente aqueles como você, que atuam com terapia online.

 

Afinal, essa tecnologia media o nosso trabalho, já que a internet favoreceu um novo olhar sobre o relacionamento terapêutico.

 

É pelas novas tecnologias que nós faremos o nosso serviço de terapia online, seja por atendimento real ou virtual, por smartphone ou computador.

 

Há diversas opções de comunicação pela internet, e todas elas podem favorecer a sua relação com o paciente.

 

É possível atendê-lo por chat, mensagem de texto, e-mail, videoconferência, áudio, etc., e cada tecnologia é ideal para um cliente diferenciado. São modos diferentes de comunicação, e cada um deles pode ser o preferido daquele paciente.

 

A nova identidade criada pela ciberpsicologia

 

 Hoje, vemos pessoas viciadas em internet. Elas preferem a convivência pelos meios digitais, preterindo as relações sociais calorosas com seus amigos e familiares.

 

Contudo, não é possível condenar as tecnologias, porque o malefício não está em sua utilização, mas na forma como são utilizadas.

 

Como você bem sabe, a internet trouxe diversos benefícios às pessoas, como o seu atendimento psicológico online. E pelo estudo da ciberpsicologia é possível estudar os tipos de personalidade, as relações virtuais, a identidade e o comportamento online, incluindo a terapia online.

 

Ciberpsicologia e cibercultura

 

Quando falamos de ciberpsicologia, também precisamos falar de cibercultura. Ela é um conjunto de comportamentos, uma forma de interação e comunicação a partir da nova percepção de mundo que se estabeleceu com o advento da internet e das novas tecnologias.

 

A cibercultura estuda, por leitura e comunicação, a nova percepção de si nesse mundo virtual.

 

É fundamental que o psicólogo tenha um olhar para o presente e o futuro da psicologia, mas especialmente um olhar para o futuro, pois cada vez mais se utilizará a internet em suas vidas, seja para fins pessoais, profissionais ou ambos.

 

Os desafios da ciberpsicologia

 

Entender o comportamento humano não é algo fácil, e você deve saber disso. Mais difícil ainda é entender o seu comportamento frente a dispositivos virtuais, que pode envolver vícios, bullying, mudanças de gênero enquanto estiver online, entre outros.

 

É fato que a internet influencia pessoas, e compreendê-la, bem como os meios de interação que propicia às pessoas, é essencial para a psicologia. E aqui não estamos restringindo áreas, mas falando da psicologia como um todo, incluindo a psicologia clínica, a organizacional e o atendimento online terapêutico.

 

Afinal, são tempos interessantes para a atuação do psicólogo. Estamos em uma era jamais imaginada por estudiosos como Albert Einstein e Freud, por exemplo, e o mundo que temos hoje não existia há cem anos.

 

Portanto, a internet mudou a forma como a psicologia estuda o ser humano. Estudar o “eu” real não era fácil, agora é preciso estudar também o “eu” virtual, aquele que surge quando as pessoas acessam a internet.

 

Enfim, há muito o que ser estudado na ciberpsicologia, e esta explanação serve apenas como introdução de algo extenso.

Share on facebook
Facebook
Share on whatsapp
WhatsApp
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Carlos Costa

Carlos Costa

Psicólogo há 5 anos (CRP-06/122657), coach, empreendedor, músico, poeta e escritor. CEO e fundador do portal e plataforma “O Psicólogo Online”. Através de seus cursos e materias vem contribuindo com a psicologia e com os profissionais psicólogos para uma melhor prática da psicologia online no Brasil e com a valorização da profissão. É criador da plataforma de atendimento online “O Psicólogo Online” que auxilia psicólogos a agendarem e receberem por suas sessões de forma simples e segura e Co-Fundador do Instituto de Terapia Online, que capacita e certifica profissionais para atuarem online de acordo como o CFP.

Artigos recentes