Skip to main content
estresse no relacionamento

Estresse no Relacionamento: 6 Dicas Para Saber Como Lidar!

Tempo estimado de leitura: 4 minutos

Estresse no Relacionamento

Os relacionamentos iniciam-se a partir de uma atração ou afinidade, mas com o tempo irá sofrer pressões externas como, cultura, a chegada dos filhos, a convivência com familiares de ambos os lados, entre tantos outros fatores que irão mexer com as tradições e culturas e de repente vocês perceberão que essas tradições e culturas não eram tão alinhadas como pensavam. estresse no relacionamento 

Leia Também: Estresse e Coração: 14 Dicas Para Não Adoecer

As pressões externas provocam, em muitos casos, o surgimento do estresse no relacionamento. O casal começa a se irritar um com o outro e com tudo que antes parecia ideal.

Mesmo entre duas pessoas que se amam e compartilham várias afinidades podem ocorrer algumas divergências de pensamentos e gostos.

Em certos casos, as vontades individuais são tão discrepantes que o que significa a realização de um sonho para um acaba se tornando o pesadelo do outro. Estresse no Relacionamento

Uma das situações mais comuns é o momento de decidir sobre ter ou não filhos e até mesmo em casos de discordâncias financeiras.

A convivência pode se prejudicar. E muito. Ambas as partes podem sofrer uma certa pressão psicológica do parceiro, a partir daí.

Quem fica mais tenso se torna irritável, pode sentir-se triste ou até desenvolver um quadro de ansiedade, estresse ou depressão, com desdobramentos na saúde física e sintomas como tremores, dores de cabeça etc.

“Além dos problemas físicos e emocionais, a pessoa que se sente pressionada pode passar a ter comportamentos sociais diferentes, e  até acabar rompendo a relação sem, no fundo, querer isso”(Dr. Denise Diniz, 2008).

COMO LIDAR

É essencial sentar com o parceiro ou a parceira para reverem, juntos, quais são as prioridades de cada um. Estresse no Relacionamento

Afinal, um casal que é capaz de planejar e construir um projeto de vida em conjunto sempre mantém laços mais fortes.

Porém, nessa conversa, cada um terá de pesar se o mais importante é realizar aquele desejo ou continuar com o relacionamento.

Depois dessa conversa sincera e de uma decisão aceita por ambas as partes, as cobranças devem parar, diminuindo assim a situação estressante. 

6 Dicas para Saber Lidar Com o Estresse no Relacionamento 

estresse no relacionamento
Estresse no relacionamento? Saiba como lidar!

1-Converse sobre o que aconteceu. Estresse no Relacionamento

Converse com seu companheiro (a), sobre o que está lhe estressando. Não tenha medo do que eles vão pensar. Se ele(a) realmente amar você, buscará entender a situação e ajudar.


2-Tenha um tempo para si mesmo.
 

Peça um tempo para ele/ela. Não tenha medo. Evite julgamento sobre o outro e sobre si mesmo. Não precisa ser um tempo longo, vocês só precisam ser amigos por um período.

Não se preocupe com aquela bagunça de namorar e ter encontros. Se vocês pararem, se acalmarem e aproveitarem a vida, talvez consigam recomeçar.

3-Seja verdadeiro consigo mesmo. Estresse no Relacionamento

Tente não se preocupar com o que o seu amor precisa ou quer por um tempo. Pense em si mesmo, senão você surtará. Mime-se com suas coisas favoritas e fique próximo de amigos verdadeiros e da família. Converse com eles e ouça seus conselhos.


4-Alivie o estresse com tratamentos e de maneiras tradicionais.
 

Centre sua vida e seu estilo de vida nesses tratamentos.

Leita Também: Fim de Relacionamento? Conheça as 5 Fases do Luto Amoroso!


5-Não se preocupe.
 

Não se estresse mais ainda em situações que já são estressantes. Isso só dificultará a superação dessa fase.

E também pode levar a uma explosão de raiva e irritabilidade. Não dificulte mais ainda as coisas para você. Supere o seu estresse se cercando de amigos de verdade e de pessoas de confiança

6-Dica principal: Prepare-se para chegar em casa

Procure relaxar no caminho do trabalho até sua casa. Se o motivo do estresse estiver na própria residência procure meios de relaxar enquanto o cônjuge não chega.

Tome um bom banho, ouça uma música, tome água fresca ou medite. Evite pensar em situações estressantes ou que te dê raiva.

Pense em coisas agradáveis e positivas. São ações que podem promover um relaxamento e aquietar a mente para não levar o estresse para dentro de casa.

Chegar ao final do dia sem estresse algum pode ser difícil, por isso o melhor é se prevenir. Conhecendo seus limites e reações.

Procure ajuda antes de jogar toda sua frustração e raiva sobre o cônjuge causando desconforto e brigas que poderiam ser evitadas. Esteja sempre disposto a ponderar antes de responder a uma provocação.

Em vez de apontar o erro no outro, olhe pra você e pense “o que tem no outro que me incomoda ou me estressa tanto”. Re-avalie toda vez que sentir o estresse e irritabilidade surgindo. Tente evitar chegar no limite, procure ter o controle da situação antes o saco esteja cheio.

Leita Também: A arte de amar e ser amado: Como dominar o medo da rejeição, aprender a gostar de si mesmo e remover as barreiras que atrapalham os relacionamentos

Esvazie-se quando sentir que está no limite, ninguém pode adivinhar como estão os sentimentos do outro por isso o melhor é sempre ter um espaço para saber como reagir ao perceber que as coisas não vão bem.

A vida a dois será sempre um desafio, mas quando vencido a recompensa é maior do que a pressão do momento. Acredite no amor que os uniu e lute por ele.

Maria Elice

mariaMaria Elice Tavares L. de Olinda – CRP 01/17583. Especialista em Psicologia Hospitalar, Especialista em Terapia Cognitivo Comportamental.  Faz acompanhamento a gestantes especificamente em prevenção a depressão pós-parto. Faz avaliação para cirurgia bariátrica e acompanhamento pré e pós-operatório. Atende adultos, crianças e idosos.

Clinica: Vitale Ser Psicologia. Sala 810 Ed. Taguatinga Trade Center. Taguatinga – Centro Brasilia – DF.

Contato: Tel: (61)8120-1157; Email: mariaelice@hotmail.com

Compartilhe esse artigo!

Carlos Costa

Psicólogo (CRP 06/122657), Coach, Empreendedor, Músico e Poeta. Idealizador do projeto O Psicólogo Online que tem por objetivo produzir conteúdo informativo e educativo sobre psicologia, saúde mental e assuntos relacionados, além de prestar serviços de orientação psicológica online.

Comentários

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.